Explore Bonfim

Fornos da antiga Fábrica de Louça de Massarelos

To play, press and hold the enter key. To stop, release the enter key.

A Fábrica de Louça de Massarelos foi fundada em 1766 pelo vimaranense Manuel Duarte Silva, afirmando-se como a mais antiga fábrica de faiança do Porto. A fábrica foi dirigida pelo seu fundador até 1786, data do seu falecimento, tendo depois sido gerida por alguns dos seus descendentes diretos. Esta fábrica introduziu bastante cedo novidades na produção cerâmica e na pintura de azulejos, tendo a qualidade do seu trabalho sido atestada pelos diversos prémios que recebeu, não só em exposições de cerâmica nacionais, como também internacionais. A fábrica de Massarelos foi, aliás, a única na cidade do Porto a ter o título de “Real”, o que demonstra também o papel preponderante que teve no movimento industrial cerâmico portuense. A antiga Real Fábrica de Louça de Massarelos foi destruída devido a um incêndio, em 1920, o que obrigou à aquisição de novas instalações noutro local, junto à ponte Maria Pia. A fábrica acabou por laborar ao longo do século XX, até que, em finais do mesmo século, é expropriada e parcialmente destruída, para que se procedesse à construção da Ponte de São João. Atualmente, os únicos vestígios existentes desta importante fábrica são os dois fornos que se encontram na Avenida de Paiva Couceiro (Fonte: Jorge Ricardo Pinto (2011), Bonfim - Território de Memórias e Destinos).

Morada: Avenida de Paiva Couceiro, 1230-1294, Porto

 

Coordenadas GPS: 41.140421, -8.592548

 

Horário: -

 

Custo: -

 

Contactos: -

 

Website: -

 

Acessível a pessoas com mobilidade reduzida: -